Social Icons

sábado, 13 de dezembro de 2014

Review: DriveClub [PS4]


DriveClub é um jogo de corrida produzido pela Evolution Studios, time da Sony também responsável por WRC e Motorstorm. Previsto para sair no lançamento do console, o jogo acabou sendo adiado duas vezes, saindo somente um ano depois da primeira data.

Abaixo você vê uma entrevista com um dos produtores do jogo, que explica o básico do jogo:


Como o nome já sugere, DriveClub se sustenta sobre dois pilares: Drive e Club. Comecemos por eles: 

DRIVE

A dirigibilidade de DriveClub é um misto entre simulador e arcade. Não é tão exigente quanto Gran Turismo, que qualquer deslize você está fora da pista (e do pódio), nem tão permissiva quanto Need For Speed, que da pra passar a corrida sem tirar o pé do acelerador.

É aqui que mora o ponto mais forte do jogo. É muito gostoso dirigir, você se sente no comando do carro, os controles são bem responsivos e o excelente uso do rumble do DualShock 4 dá o feedbeck necessário pra garantir que você está no controle.

A sensação de velocidade é outro destaque, principalmente em pistas com muitas arvores ou casas perto do asfalto. A tensão é alta, e o medo de errar te faz redobrar a atenção no traçado.

Como o produtor falou na entrevista, o jogo foi criado pra ser fácil de jogar, e isso foi bem conseguido. Tenho um certo problema com simuladores, eu gosto do jogo, mas a medida que avanço, é difícil dominar os carros, e é necessário algum conhecimento técnico para ajustar o carro. Já em DriveClub, é fácil dirigir os carros, e não há personalização de peças, pneus e ets. É só botar o jogo, escolher a pista, escolher o carro e partir pro abraço.

Mas isso não quer dizer que DriveClub é um jogo fácil. Pode ser fácil dirigir, mas é bem difícil de dominar a direção. Em eventos mais avançados, com carros super-velozes, é necessário um absurdo controle de aceleração e frenagem para conseguir bons tempos ou colocações.

Outro detalhe é que os carros possuem direção bem distintas entre si, então escolher o carro certo faz muita diferença na corrida.

Abaixo um vídeo meu, pra se ter uma ideia da dirigibilidade e sensação de velocidade do jogo:


CLUB

A parte social do jogo é também uma das features mais interessantes. Aqui é possível se juntar em Clubes, desafiar seus amigos (ou desconhecidos) com seus melhores tempos ou bater a pontuação de outros players durante determinados trechos dos circuitos.

Esse vídeo explica como funcionam os Clubs:


Um clube pode ser formado por até 6 pessoas, e a cada corrida, os pontos ganhos são somados à pontuação do seu Clube. Subindo de level, você ganha acesso a novos carros e opções de customização. Os Grupos também podem correr juntos nas partidas multiplayer. Existem algumas partidas em que dois grupos podem competir, quem conseguir mais pontos, ganha.

Esse outro fala dos Desafios e Confrontos:


Os confrontos aparecem durante determinados trechos da corrida e são de três tipos:
Velocidade: quem conseguir maior velocidade média no trecho vence;
Curvas: uma linha guia aparece, vence quem conseguir seguir melhor o traçado;
Drift: leva quem fizer mais pontos de drift.
Se sua pontuação for maior, você ganha pontos de famas e sua performance será usada como confrontos para ouros players.

Os Desafios talvez sejam a melhor e mais inovadora característica do jogo. Aqui, você pode usar seus melhores resultados nas corridas pra desafiar seus amigos a se saírem melhor que você. É possível escolher qualquer circuito do jogo, em qualquer condição climática, basta correr, definir quanto tempo o desafio ficará ativo e desafiar seus amigos. Quem ficar com a melhor pontuação até o fim do tempo estipulado vence o desafio.

É praticamente uma campanha infinita criada pelos players, sempre com novos desafios pra bater. Replay infinito!

Tour


A campanha é composta por corridas contra players, corrida contra tempo e eventos de drift. Em cada evento, há alguns desafios a serem conquistados, cada desafio te dá uma estrela. Os desafios podem ser pontuação, colocação, tempo, fazer uma volta limpa (sem bater em ninguém nem sair da pista).

Há bastante eventos e com dificuldade crescente, conseguir todas as estrelas não será tarefa fácil e alguns exigem timing perfeito e voltas completamente sem erros. É necessário aprender o traçado dos circuitos para chegar a determinados tempos.

No geral, há muito conteúdo e muito desafio, mas é só isso. Talvez pelo próprio desejo da Evolution de fazer um jogo pick-and-play, DriveClub é um jogo de corrida 'seco', não há dinheiro, não há personalização de carros, só corrida. Felizmente, há variedade de eventos, que evita deixar o jogo repetitivo.

"Nossa, olha que lin..." -som de batida de carro-



Acostume-se, isso é algo muito comum. Temos aqui um genuíno next-gen, um jogo de gráficos de cair o queixo, com iluminação full-global, passagem de tempo e tudo que um bom Hardware pode oferecer.

Todos os carros são fielmente modelados, exterior e interiormente, com detalhes surpreendentes. Em corridas a noite, graças à iluminação global, o carro de trás ilumina o painel do seu carro, assim como o seu farol reflete a cor do carro da frente. São detalhes que te deixa babando com tamanho realismo.

Mas o destaque mesmo fica com o cenário. Todos são grandiosos e muito bem detalhados. Em alguns circuitos com plantas, algumas folhas ficarão no chão e voarão quando seu carro passa. Ou outros, uma poeira fina sobe ao lado da pista. Há também animais selvagens rondando, com destaque para uma belíssima revoada de flamingos em um dos circuitos. Também é possível ver Auroras bureais em algumas localidades.

Pra não dizer que o jogo é perfeito tecnicamente, há uma boa quantidade de serrilhados, mas, no calor da corrida, são praticamente imperceptíveis.

5 Países, muitos circuitos

Há 5 países no jogo, cada um com sua identidade visual: o Canadá com suas grandes florestas, Chile com desertos, na India predominam cenários rurais, gelo na Noruega e campos floridos na Escócia.


Cada país possui 5 pistas (e suas reversas), dando um total de 25 trajetos diferentes. A Evolution já prometeu pistas grátis e pagas no futuro.

Tempo dinâmico

Há um sistema de nuvens e tempo dinâmico no jogo, ou seja, tudo é calculado aleatoriamente pelo jogo. Junto com a iluminação global, da pra se ter algumas situações bem interessantes, que interferem no gameplay. Uma pista pode se tornar muito mais desafiadora com um sol na cara, por exemplo, ou se tornar bem escura, dificultando a visualização, por causa de nuvens pesadas.

Comparação dos gráficos em céu limpo e nublado (clique para aumentar):


Olha a chuva! (e a neve!)

A tão famigerada chuva, prometida por patch depois do lançamento do jogo finalmente chegou, e é incrível! Se alguém tinha dúvidas que esse era um next-gen, agora é a hora de tirá-las.Junto com o já falado sistema de tempo dinâmico e com a iluminação dinâmica, temos aqui o mais avançado sistema de clima dinâmico disponível num jogo de corrida. As gotas no para-brisas se movimentam individualmente, de acordo com a velocidade e o movimento dos carros. O clarão dos relâmpagos ilumina todo o cenário e seu carro, incluindo o interior!


Além de visualmente belo, a chuva também interfere a direção dos carros, que ficam mais escorregadios na pista.

Além de chuva, também há neve:


Algumas imagens na chuva:




Vruum

Um bom design sonoro é indispensável num jogo de corrida, e DriveClub faz isso muito bem. A nuance do ronco do motor dentro e fora do carro, o som dos seus oponentes, e até o grito da torcida tora o jogo muito imersivo, principalmente pra quem tem um bom sistema de som!


How fast you wanna go?! (Bis 9999x)

Se o design de som é muito bom, faltou um pouco de capricho na trilha sonora. Embora não seja ruim, faltou alguma identidade às músicas, que são basicamente eletrônicas e inúmeros remixes da música tema, se prepare pra ouvir muito "How fast you wanna gooooo..."!


PhotoMode

Você quis dizer: máquina de wallpapers?

Sim, isso mesmo. Lembram que eu falei que o único defeito dos gráficos eram os serrilhados? Esqueçam deles aqui, a imagem é processada e todos os serrilhados somem, junte isso à opções de câmera (exposição, velocidade do obturador), filtros de imagem, etc, e você tem isso aqui:








DriveCl[Em construção]

Mesmo depois de um ano adiado, o jogo ainda saiu sem algumas coisas básicas num jogo de corrida, como PhotoMode, Climas e Replay (este ainda não disponível), fora isso, tivemos todo o fiasco dos servidores no lançamento. É triste ver um jogo desse porte saindo com tantos problemas.

Felizmente, a Evolution já corrigiu praticamente todos os problemas relacionados a parte online do jogo (embora ainda não esteja 100%), e promete mais melhorias vindas por atualização, bem como a versão PS Plus.

DLC's


Vemos tantos casos de abuso nos DLC's que me senti na obrigação de citar o Season Pass do jogo aqui. São 25 dólares por 6 meses de conteúdo novo, que vão de pistas, carros, à eventos de tour. Cerca de 4 dólares mensais. Há também conteúdo mensal gratuito.

VEREDITO FINAL

DriveClub é um jogo de corrida com jogabilidade extremamente sólida, funções sociais inovadoras, bom conteúdo e gráficos de tirar o fôlego. Faltou aprofundar um pouco a campanha, mas o conteúdo acaba sendo suficiente para não deixar o jogo repetitivo.

Nota: 8.5/10

Comente com o Facebook:

2 comentários:

  1. Muito bom, Andrey!
    Os gráficos são mesmo lindos demais O_o

    ResponderExcluir
  2. Eu curto jogos de corrida, mesmo sem ser bom neles, kkkkkk... E o Drive Club realmente parece estar lindo e divertido!!

    Muito bom o post Andrey!

    ResponderExcluir

Caro visitante!

Você é muito bem vindo para comentar no nosso blog, contudo, pedimos que respeite os demais usuários e não utilizem palavras de baixo calão!

Obrigado,
Equipe Games com Limão!

 

Seguidores